Descubra Gênova… e a Ligúria!

Categorias
Curiosidades

O Clássico de Gênova: Sampdoria x Genoa

O clássico de Gênova, o duelo entre Sampdoria e Genoa, chamado por aqui de “derby della lanterna” é, nada mais nada menos, que o clássico mais antigo do futebol italiano.

No entanto, chama-se derby della lanterna não porque é o clássico do fundo da tabela, mas porque o símbolo de Gênova é um farol. De fato, este é, carinhosamente, chamado La Lanterna.

Clássico de Gênova
Serie A 1993-94 – Genoa 1893 x UC Sampdoria – Fabio Galante e Ruud Gullit

Os times de Gênova

Os dois grandes times de Gênova, o Sampdoria e o Genoa, são chamados Blucerchiati e Grifoni, respectivamente.

Clássico de Gênova

Os Blucerchiati (circulados de azul)

O Sampdoria é o time historicamente mais pobre e foi criado pelos pescadores de Gênova em 1946. Além disso, ele é o resultado da fusão de duas equipes: a Andrea Doria e a Sampierdarenese que, além do nome, também fundiram suas cores, criando um uniforme bastante original, ou seja, uma camisa azul intercalada com duas listras brancas, uma vermelha e outra preta, com o brasão de armas de Gênova no centro. O escudo do Sampdoria mostra a silhueta de um pescador estilizado. Enfim, uma verdadeira obra de arte.

O Sampdoria foi campeão da Série A do Campeonato Italiano uma vez, no ano de 1990.


Os Griffoni (os grifos)

O Genoa é o clube mais antigo entre os que estão em atividade. Foi fundado em 1893 por um grupo de britânicos que logo entenderam que na Itália um esporte como o futebol podia ter a mesma reputação que naquela época pertencia à Inglaterra. O time foi chamado Genoa Cricket and Football Club.

Assim como os jogadores de futebol ingleses, os primeiros atletas do Genoa usavam uniformes brancos. Foi por ocasião do início do novo século, em 1900, que os jogadores do Genoa exibiram pela primeira vez uma camisa branca com listras verticais azuis. Era um tributo à equipe de Sheffield Wednesday, então um dos clubes mais famosos e titulados da Inglaterra.

Quanto ao Grifo (animal lendário fruto do cruzamento entre um cavalo, um leão e uma águia), é um símbolo colocado para proteger a cidade e seus habitantes. Apesar de aparecer na parte inferior dos documentos oficiais da equipe desde o início, será realmente costurado nas camisas de jogo apenas alguns anos após a inscrição nos primeiros torneios oficiais.

Em relação às cores, foi um fato da época, aparentemente não relacionado ao futebol, que determinou a escolha do vermelho e azul.

O ano de 1901 ficou marcado pela morte da rainha Vitória. Um evento dessa grandeza não deixou indiferentes os membros do clube que, após várias sessões e uma votação acirrada (5 votos a favor e 4 contra), mudou as cores do uniforme para as vermelho, branco e azul, um tributo evidente à bandeira do Reino Unido.

Assim nasceu a camisa principal do Genoa como a conhecemos hoje. Grená e azul escuro dispostos em quartos, com vermelho à direita, azul à esquerda e alguns detalhes branco.

O Genoa foi a primeira equipe a vencer um campeonato em 1898. O time detém nove títulos do Campeonato Italiano da série A.

Clássico de Gênova: as origens

O primeiro clássico de Gênova aconteceu em 3 de novembro de 1946, logo após o nascimento do time do Sampdoria, o qual ganhou o jogo.

Genoa x Sampdoria foi a primeira partida entre equipes da mesma cidade disputada na Série A, Série B e também na Copa da Itália. Os precedentes são, portanto, numerosos e tiveram maior visibilidade no cenário nacional do futebol entre o final da década de 1980 e o início da década de 1990, graças à iniciativa de seus respectivos presidentes.

O clássico de Gênova é cheio de boas lembranças e está entre os clássicos italianos mais vibrantes. Um espetáculo de cores toma conta do estádio Ferraris, desde a arquibancada norte (torcedores do Genoa) até o lado oposto, onde fica a torcida do Sampdoria.

Clássico de Gênova
A chamada “curva sud”, onde fica a torcida do Sampdoria.

Estádio Luigi Ferraris, o palco do clássico de Gênova

Começamos com outro fato histórico. O “Luigi Ferraris”, em Gênova foi o primeiro estádio da Itália e o lugar onde se disputou a primeira partida de futebol com jogadores de times diferentes! Era o dia 6 de janeiro de 1898 quando aconteceu o amistoso Genoa x Rappresentanza Torino.

Localizado no bairro de Marassi, é um estádio cheio de vicissitudes que o caracterizaram ao longo dos anos como um dos estádios mais “mal-humorados” da história. Por que assim tão temperamental? Tente perguntar aos genoveses, pessoas um tanto quanto ranzinzas e inconstantes.

Clássico de Gênova: estatísticas

No total, as duas equipes disputaram 100 jogos, com:

  • 24 vitórias do Genoa;
  • 37 empates;
  • 40 vitórias do Sampdoria;
  • 96 gols do Genoa;
  • 117 gols do Sampdoria.
  • O Genoa não venceu nenhum dos últimos sete jogos da Série A contra a Sampdoria (2 empates, 5 derrotas) e não fez gol em 4 deles.
  • O Genoa não vence um jogo de Série A contra o time do Sampdoria em casa, desde maio de 2011.

Por Renan Sousa

Comilão de nascença e amante do futebol.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.